Formação & Desenvolvimento

EGOR’S BRANDING

A EGOR usufrui, há muitos anos, de uma frequente presença nos meios de comunicação social. Para além da meia página semanal do Expresso Emprego e do separador na coluna dos Altos e Baixos do Caderno de Economia do Expresso – o principal órgão de comunicação nacional na área dos negócios –  beneficiamos, também, de uma intensa e permanente presença nas redes sociais e na internet, tendo como objetivo não apenas divulgar as nossas áreas de negócio, mas também servir como canal de comunicação com a vasta comunidade de pessoas que – não apenas em Portugal mas também noutros países – consultam e acompanham a nossa presença no mundo digital.

Temos, ao longo dos anos, feito da comunicação um objetivo estratégico, com o fito de transmitir e divulgar nos setores especializados de atividade onde estamos presentes, não apenas uma imagem de competência e qualidade de serviços, mas também de inovação e criatividade.

Esta estratégia de comunicação tem dado um contributo importante para a evolução, ao longo dos anos, da imagem de “EGOR empresa de recrutamento “para uma imagem de grupo empresarial com capacidade para atuar em todas as áreas dos recursos humanos.

A notoriedade conquistada permitiu que tenhamos crescido e diversificado atividades e ganho credibilidade para concorrer e ganhar projetos e negócios que – num mercado dominado por empresas multinacionais – pareciam não estar ao nosso alcance há alguns anos atrás.

Para além da comunicação institucional, somos igualmente, presença constante nas revistas do trade – as publicações especializadas na área dos recursos humanos – que nos solicitam artigos, pedem entrevistas e opiniões sobre temas, por nos reconhecerem autoridade e competências para nos pronunciarmos sobre eles.

Nem sempre estes pedidos e solicitações surgem nas ocasiões mais oportunas. Geralmente, os prazos de resposta são curtos e as questões nem sempre fáceis de abordar.

Corresponder aos pedidos é uma responsabilidade que implica um tipo de esforço que não se compadece com horários de trabalho e que, muitas vezes, implica, para quem os escreve, o sacrifício de noites ou fins de semana, mas que têm uma importância muito grande, não apenas para reforçar o nosso branding junto de leitores e entidades, vinculadas de alguma forma aos temas dos recursos humanos, mas também para destacar os autores e dá-los a conhecer no respetivos setores de atividade, como especialistas e profissionais qualificados.

Felizmente, temos um conjunto de pessoas que reúnem essas qualificações e que constituem ativos importantes com que o Grupo conta para o futuro, na medida em que demonstram capacidade para interpretar não apenas o que está a acontecer, mas por terem também uma visão do futuro do respetivo setor de atividade.

Hoje, mais do que nunca, não basta ser competente. É também necessário, num mundo onde a comunicação se tornou viral, ser capaz de o divulgar.

 

Por: Amândio da Fonseca, CEO – EGORGEST, S.G.P.S., S.A.

Artigos Relacionados

Opinião Online

Find more about Weather in Lisboa, PO

Aprender Magazine

Revista Pessoal

  • REVISTA PESSOAL – JULHO/ AGOSTO N.º 174

    Na economia digital e tecnológica da qual, obrigatoriamente, fazemos parte, e independentemente do tipo de funções e responsabilidades que desempenhamos, as chamadas soft skills – ou competências pessoais – constituem mecanismos fundamentais para melhorar o desempenho profissional em contexto de equipa e de mobilização para a ação, uma vez que falamos de competências que potenciam…

Sondagem/Quiz RH

Liderança e Amor terão alguma coisa em comum?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...

Colecção Find Out

RHtv