SST & Healthcare

Menopausa e exercício físico

A prática de exercício físico é parte integrante de um estilo de vida saudável. Assume uma importância ainda maior durante a menopausa, visto que esta fase significa muitas mudanças importantes no corpo das mulheres.
No momento da menopausa, os ovários cessam a sua atividade cíclica, resultando em importantes mudanças hormonais. O estradiol (a principal hormona sexual) e os níveis de andrógenos (produzidos nos ovários, glândulas adrenais e gorduras) diminuem e a progesterona já não é produzida de forma cíclica. Estas mudanças levam a efeitos significativos na saúde. Alguns desses efeitos são silenciosos (por exemplo, ao nível ósseo ou do sistema cardiovascular), enquanto outros, como os efeitos vasomotores, estão associados a sintomas bem caracterizados. Os sintomas vasomotores afetam até 75% das mulheres que entram na menopausa.
As mulheres muitas vezes fazem menos exercício físico quando entram nesta fase, o que pode levar ao ganho de peso. O metabolismo também se altera. Uma das razões do declínio do metabolismo com a idade é a perda de massa muscular (cerca de 250 gramas por ano). O músculo queima mais calorias do que a gordura, portanto, sempre que o músculo não é preservado através de atividade física e da musculação, o corpo simplesmente não queima tantas calorias. Existe também uma tendência para aumentar a ingestão de calorias. À medida que o metabolismo abranda, muitas mulheres não ajustam a ingestão das calorias em conformidade, o que muitas vezes leva ao ganho de peso.
O exercício regular pode prevenir ou diminuir o impacto de muitas das alterações acima mencionadas, diminuir a morbidade e a mortalidade após a menopausa.
O programa de treino para mulheres pós-menopáusicas deve incluir exercícios de resistência física (aeróbica), de força e de equilíbrio.
Uma vez que as mulheres peri-menopáusicas e pós-menopáusicas são relativamente inativas no geral, será mais aconselhável cumprirem um treino moderado do que um treino mais intenso, que tenha um risco inerente de lesão.
As atividades que são realizadas com gosto e entusiasmo e que são promovidas no contexto de um estilo de vida saudável têm uma maior tendência a serem mantidas.
Deve reconhecer-se que a atividade física é um componente vital de um estilo de vida saudável e essencial para a prevenção de doenças. Hoje em dia, as mulheres ainda vivem décadas além da menopausa, e durante esses anos a atividade física regular pode melhorar a sua qualidade de vida, saúde geral e sensação de bem-estar.

Por: Thordis Berger, chief medical officer do Holmes Place Portugal

Artigo publicado em holmesplace.pt

Artigos Relacionados

Opinião Online

Find more about Weather in Lisboa, PO

Aprender Magazine

Revista Pessoal

  • REVISTA PESSOAL – MAIO/JUNHO N.º 173

    A edição de maio/junho da revista Pessoal aponta o foco para o tema da atualidade: Privacidade, Proteção de Dados e Cibersegurança. Todos os dias surgem novas ameaças online cujo objetivo principal consiste no roubo ou usurpação de dados de empresas ou simplesmente afetar a sua atividade normal. Os criminosos informáticos são cada vez mais criativos…

Sondagem/Quiz RH

Liderança e Amor terão alguma coisa em comum?

Ver Resultados

Loading ... Loading ...

Colecção Find Out

RHtv